Paraibano

Futebol

Mais Esportes

Latest Post

O cenário do CSP, sempre que se aproxima o início da pré-temporada, é previsível. Por ser uma equipe tipicamente formadora, é comum a opção por peças conhecidas e reveladas no próprio clube, não abrindo mão de lançar novas apostas para o futebol vindas de suas categorias de base.


Para a temporada que vem chegando, o planejamento aponta a mesma direção. Diferente de 2017, quando brigou para não cair, o intuito é incomodar, como quase sempre aconteceu desde que começou a figurar na primeira divisão.

A novidade para o ano que vem será na alternância de um dos cargos da comissão técnica. Neste ano, o dirigente Josivaldo Alves teve o ex-zagueiro Léo Oliveira como auxiliar técnico. Agora, Léo assume o comando, e terá como auxiliar Tazinho, que já treinou o Tigre em outros Paraibanos, e que esteve como treinador no Sousa e Femar em 2017.

João Batista será o responsável pelo preparo físico da equipe, juntamente do ex-goleiro Laênio, que teve passagens defendendo o gol de Campinense e Treze, como novo preparador de goleiros.

Na formação do elenco, as boas novas ficam por conta das possíveis chegadas do zagueiro Thiago Bob, vice-campeão da segunda divisão pela Desportiva Guarabira, do lateral-esquerdo Eduardo Matuto, que atuou na segundona pelo Spartax, e do volante Ramon Venâncio, que vem do Boa Vista-RJ.

Os demais atletas são peças tarimbadas da equipe pessoense. Jogadores como o goleiro Wallace, o lateral-direito Igor, o volante Matheus Guará e os meias Carioca e Leandro retornam de empréstimo para formar a base do time tricolor.

O ponto de partida para as atividades já tem data marcada. Jogadores com os contratos vigentes se apresentam para a pré-temporada no próximo dia 20. Quem ainda não assinou contrato, a exemplo de Eduardo Matuto e Ramon Venâncio, só ficam a disposição a partir do dia 27 de novembro, quando se vincularão ao clube.

O CSP ficou no Grupo B do Campeonato Paraibano, acompanhado por Treze, Atlético de Cajazeiras, Serrano e Desportiva Guarabira. O certame estadual está com início marcado para o dia 7 de janeiro, com o Tigre fazendo a sua estreia diante do Sousa, fora de casa.

Atual elenco do CSP para a próxima temporada:

Goleiros: Wallace, Careca, Natan (base)
Laterais: Igor, Nelsinho, Rogério Sena, Eduardo Matuto*;
Zagueiros: Thiago Bob, Felipe Almeida, Reydson;
Volantes: Matheus Guará, Geo, Ramon Venâncio*, Maike (categorias de base), Sílvio (categorias de base);
Meio-campistas: Carioca, Leandro, Léo Itatuba;
Atacantes: Henrique, Fábio.

(jogadores com asterisco* ainda não assinaram contrato, e se apresentam só no dia 27 de novembro para a pré-temporada)


O torcedor vai ter que preparar o bolso para poder assistir os jogos do Campeonato Paraibano de 2018. É que o regulamento da competição prevê preço mínimo de R$20 para os ingressos para as partidas do estadual, acabando assim com a possibilidade de promoções em que o preço da entrada seja menor que o estipulado.


Segundo o inciso 2º do artigo 19 do regulamento do estadual, “no Campeonato Paraibano de Futebol Profissional 1ª divisão de 2018, o ingresso não pode ser inferior a R$20,00 (vinte reais)”.

Conforme o presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Amadeu Rodrigues, o artigo foi incluído na regra do Paraibano por sugestão dos clubes. Durante as reuniões do Conselho Arbitral, o preço mínimo dos ingressos foi estipulado.

Tudo foi decidido pelos clubes. Eles que sugeriram e colocamos no regulamento porque eles aprovaram a proposta - disse Amadeu Rodrigues.


Com o preço mínimo estabelecido no regulamento os clubes não vão poder fazer promoções em que o preço seja menor que R$20 - por exemplo, as famosas "casadinhas", quando são vendidos ingressos a preços populares para mais de um jogo. Então fica a dúvida se o valor pode afastar os torcedores dos estádios no ano que vem.
A novela sobre a permanência de Marcos Nascimento no comando técnico do Nacional de Patos chegou ao fim: ele permanece na equipe para a disputa do Campeonato Paraibano 2018. O Nacional era o único clube do Paraibano que ainda não tinha anunciado o treinador. Isto porque, o Canário estava tentando firmar uma parceria com a faculdade em que Marcos ensina em Patos para confimar o técnico no cargo.


Na disputa da 2ª divisão estadual deste ano, quando a equipe foi campeã, a instituição de ensino foi quem custeia integralmente o salário do treinador.

Assim que o Naça foi campeão da segundona, ainda na alegria da comemoração do título, o presidente Alisson Nunes anunciou que o treinador continuaria no cargo. No entanto, dias depois, foi revelado que havia uma pendência a ser resolvida com a faculdade onde Marcos leciona. Apenas na semana passada, após uma reunião, ficou acertado o treinador no comando do Canário do Sertão. O único ponto que existe ainda a ser resolvido é sobre quem vai pagar a maior parte do salário do técnico.

Vou permanecer no Nacional de Patos. Falta apenas definir como será feito o pagamento do meu salário, quem irá custear a maior parte. Na 2ª divisão foi pago integralmente pela faculdade, mas agora vai ser dividido - disse.

Mesmo sem ainda ter a certeza que comandaria o Nacional de Patos na elite do futebol paraibano, Marcos participava dos bastidores da montagem do elenco alviverde. Nos últimos dias foi divulgado que a pré-temporada teria início no dia 4 de dezembro e já foram anunciados seis contratações até o momento, entre elas, a do goleiro Pantera. O arqueiro é ídolo na torcida do Campinense e na disputa do estadual de 2017 defendeu a meta do Sousa.

Segundo Marcos, 80% do elenco já está apalavrado e nos próximo dias, mais reforços vão ser anunciados.

Acredito que nesta semana vamos anunciar mais três contratações, um zagueiro, um meia e um atacante. Dois deles já atuaram em times da Paraíba e outro estava no futebol pernambucano, com passagem recente pelo Náutico - contou.


No Campeonato Paraibano, o Naça está no Grupo A, com Auto Esporte, Botafogo-PB, Campinense e Sousa. A competição tem início no dia 7 de janeiro e término previsto para 8 de abril; esta edição vai ser mais curta, com apenas 16 datas, graças a Copa do Mundo da Rússia em junho.

Fonte: GE

A equipe Sub-17 do Serrano foi ao Estádio Juraci Pedro Gomes “O Juracizão” em João Pessoa e venceu pelo placar de 2 a 0 a equipe da Ponte Preta/PB, em jogo valido pela 4ª rodada do Campeonato Paraibano Sub-17. Com a vitória, o Lobo da Serra segue invicto na competição, com 4 vitórias em 4 jogos, sendo uma vitória por WO.

O jogo começou eletrizante para o time de Campina Grande, e logo aos 6 minutos de jogo o meia Vinícius, que após rebote do goleiro balançou a rede abrindo o placar para o Lobo. Mesmo com o placar a seu favor, a equipe de Campina manteve o ritmo e conseguiu ampliar o placar ainda no primeiro tempo, desta vez com o atacante Ezequias aos 16 minutos depois de lindo chute de fora da área sem chances para o goleiro da equipe adversária.

Já no segundo tempo a equipe da casa foi pra cima mas não conseguiu balançar as redes, e o jogo ficou nisso mesmo, 2 a 0 para o Serrano.

Conseguimos a vitória que é o mais importante, mas temos que corrigir algumas falhas porque na fase de mata-mata não se admite erros, disse o técnico do Serrano Dario.

Agora o Serrano aguarda as definições dos grupos, para ver quem vai enfrentar na fase eliminatória, onde passam 16 equipes das 28 que estão em disputa para as oitavas de finais.

O elenco se reapresenta na tarde da próxima segunda-feira (30), no CT do Paulistano, onde irá manter os treinamentos visando a fase eliminatória.

Fotos: Adjair Fernandes

Adjair Fernandes / Ascom Serrano

Com seis clubes na disputa, o Campeonato Paraibano de Futebol Feminino 2017, terá início neste domingo (29) com jogos no CT Ivan Thomaz e no Estádio da Graça, ambos em João Pessoa, local das partidas de toda competição. As seis equipes sonha com o titulo estadual mas seus passados são bem diferentes.

Botafogo: Atual bicampeão da competição (2015-2016), as "Belas do Belo", da treinadora Gleide Costa e da artilharia Lu Meireles, que fez parte da Seleção, com todo em busca do seu terceiro titulo seguído para continua representando a Paraíba no cenário nacional.

Kashima: A equipe Preta e Amarela foi campeão pela ultima vez em 2002, quando inclusive a sua técnica era Gleide Costa. Segundo seu presidente Marcos Lima, o Kashima, não levou sorte nas últimas disputa mas esta pronta para brigar pelo título com qualquer equipe.

Serrano: Com pouco investimento as Lobos da Serra manteve a base 2016 e espera uma boa campanha na competição.

Auto Esporte: O Alvirrubro não disputa a competição desde de 2012. Era pretensão de sua diretoria não participar do futebol feminino. Mas o clube resolveu apostas mais uma vez na competição.

Internacional e Desportiva:
O Inter e o Azulão são os debutantes no Campeonato Paraibano de Futebol feminino. O Município de Lucena, atual casa do Inter, nunca teve um representante na competição, já a cidade de Guarabira no passado era sempre representado pelo River Guarabirense.

Primeira rodada
CT Ivan Thomaz
15h Botafogo x Internacional
17h Auto Esporte x Serrano

Estádio da Graça

15h30 Kashima x Desportiva

Terceiro reforço anunciado pela diretoria do Botafogo visando às quatro competições de 2018, o meia Allan Dias afirmou que está ansioso para vestir a camisa do Alvinegro da Estrela Vermelha. O atleta de 29 anos também revelou que o atacante Fernandinho, que atuou no Belo nesta temporada, foi um dos ‘responsáveis’ pelo acerto com o clube paraibano.

-  Estou muito feliz e ansioso. Antes de acertar nós pesquisamos e recebemos as melhores recomendações do clube, da torcida. Conversei com o Fernandinho, que jogou aí, e ele me disse que poderia acertar de olhos fechados, pois o Botafogo é um clube sério, que paga em dia, tem um CT com boa estrutura. Ele também comentou que João Pessoa é uma excelente cidade para viver com a família. Estou muito animado  -  contou o atleta.

Allan Dias chega ao Belo após defender o Tombense-MG na Série C do Brasileiro. No time mineiro, fez 12 jogos e não marcou gols, mas brigou pelo acesso, sendo eliminado pelo CSA-AL nas quartas de final da competição nacional. Com carreira consolidada no Sudeste, o atleta vai atuar pela primeira vez em um clube nordestino.

É mais um desafio essa primeira oportunidade no futebol nordestino. Acho que a maior dificuldade será o calor, já que atuei a maior parte da minha carreira no Sudeste. No entanto, já tive uma experiência no Remo e lá em Belém é muito quente, parecido com o clima do Nordeste  -   comentou.

Sobre o técnico Leston Júnior, que chegará junto com ele ao Alvinegro da Estrela Vermelha, o experiente meia teceu elogios e afirmou que espera ganhar a confiança do treinador.

Ainda não tive o prazer de trabalhar com ele, só joguei contra, mas me falaram muito bem dele. É um treinador jovem, da nova geração e que é um estudioso do futebol. Espero me dar super bem com ele e que juntos possamos ajudar o Botafogo a chegar aos seus objetivos  -  concluiu.

Passagem marcada:
O meia desembarca em João Pessoa no dia 26 de novembro, um dia antes do início da pré-temporada do Belo.


 Fonte: Correio da Paraíba

A diretória do Auto Esporte Clube, anunciou a contratação do atacante Dú, de 25 anos, que disputou a Segunda Divisão pelo Femar Teixeira.

Claudivanio Pereira, o simplesmente Dú, é natural de Itaporanga, começou a carreira profissional no Nacional de Patos em 2009, e já teve passagens por Cruzeiro de Itaporanga, Treze, Baraúnas-RN, Chã Grande-PE, Artsul-RJ, Bangu, Lucena, Cabofriense e Potiguar.


Na disputa do Campeonato Paraibano 2018, o Auto Esporte esta no grupo A, ao lado de Botafogo, Campinense, Desportiva e Sousa, contudo, de acordo com o regulamento da competição os times do grupo A enfrentaram em jogos de ida e volta os times do Grupo B, e os adversário do Clube do Povo na primeira fase, serão: Atlético de Cajazeiras, CSP, Serrano, Treze e Desportiva.

Veja Também